Postagens

Mostrando postagens de 2017

Áreas de atuação como pesquisadora e orientadora do mestrado PPGAC/UFOP

Letícia Mendes de Oliveira, conhecida artisticamente como Letícia Andrade (sobrenome materno), é atriz, dramaturga e diretora. Hoje é professora efetiva do DEART/IFAC, da Universidade Federal de Ouro Preto, na área de teoria da encenação e iluminação e professora do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas do IFAC/UFOP. De 2013 a 2016, foi professora de Práticas Cênicas, Iluminação e Teoria Teatral do Curso de Licenciatura em Teatro da Universidade Federal de Sergipe. Doutora em Artes pelo Programa de Pós-Graduação em Artes da Escola de Belas Artes da UFMG, com a tese "O papel do espectador nas dramaturgias contemporâneas brasileiras" [Orientador: Dr. Antonio Hildebrando]. Mestre em Teoria da Literatura, pelo Programa de Pós-graduação em Estudos Literários, UFMG, com a dissertação intitulada: "Instantâneos: o conto mínimo e a cena teatral em Fernando Bonassi" [Orientador Dr. Luis Alberto Brandão]. Formada no curso de formação de atores Teatro Universitário da UFM…

Ciclos de palestras sobre Teatro no Galpão Cine Horto Projeto Sabadão 1ºsemestre de 2017

Imagem
1. Palestra Olhares sobre a história do teatro grego, medieval e renascentista
Exposição e debate horizontal sobre o panorama histórico, social e artístico do teatro grego, medieval e renascentista ocidental, de modo recortado, e suas reverberações na atualidade. Discussão dinâmica do assunto por meio de leitura dramática de trechos selecionados e da apresentação dos principais aspectos de duas dramaturgias e uma farsa: Medéia, de Eurípedes, Os estudantes e o campônes, de autor anônimo e Macbeth, de Shakespeare. Sábado, 8 de abril de 2017, de 14h às 17h, no Galpão Cine Horto.


2. Desobediência, genialidade e paixão no Teatro Romântico e Realista Contextualização do período neoclássico e barroco como ponto de partida. A exposição enfoca o Romantismo e Realismo. Debate horizontal sobre o panorama histórico, social e artístico do teatro romântico e realista dos séculos XVIII e XIX, de modo recortado, e suas reverberações na contemporaneidade. A desobediência, paixão e genialidade como aspecto…